Top artists
A Funny Thing Happened on the Way to the Forum Soundtrack
Soundtracks (other tracks) soundtrack
Michael Jackson
A Charlie Brown Christmas Soundtrack
A

Top albums
A Funny Thing Happened on the Way to the Forum Soundtrack
A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum
A Arte de Leila Pinheiro
A Casa Das Sete Mulheres Soundtrack
A Bossa de Leila Pinheiro

External Links
MyBestMatch.net
Bianca Ryan fan site
Croler Video Search

Estrada Da Dor 666 lyrics

Rating: 5.57
Song Details
Artist(s)Facção Central
Album(s)Direto Do Campo De Extermínio

Na minha infância quis um Kart, não tive nenhum
só boy vira piloto de fórmula 1
todo pivete quer ser bombeiro, eu tinha outro sonho
catá o vigia da Preserv recarregando caixa eletrônico
não usei minha inteligência em prol de nenhuma empresa
só pra pôr micro-câmera pra gravar sua senha
deixar a vítima surpresa no telefone
"seu saldo disponível é zero"
perfeição no clone
detonei a dona da joalheria com explosivo
fiquei dois anos aguardando julgamento no distrito
pra ver que não dá lucro, magnata viúvo chorando
de Bvlgari, óculos escuro
não valeu perder os dentes no taco de Beisebol
choque no pinto, matar por um banho de Sol
ser quase extorquido pelo bolo podre da carceragem
que inventa dívida pra te matar, na crocodilagem
é raro ter um no crime com sitio no bairro elegante
com esconderijo subterrâneo com foguete anti-tanque
no crime o prêmio é ser mais um defunto apodrecido
outro relatório na prancheta do perito
não quero parente no IML atrás de mim
nem minha mãe vendo meu caixão e achando que foi melhor assim
tô pendurando a Carabina e a granada Holandesa
tirei meu carro da estrada da dor 666

[REFRÃO]:
Na estrada da dor...
é só caixão descendo nas cordas
na estrada a dor...
é só necropsia, rota, sangue, vítima morta (2X)

[Eduardo]:

Ninguém mete um B.O. e se regenera no lucro
termina com o P.M. vigiando no muro
o ciclo vicioso corrói sua alma
quanto mais dinheiro entra, mais eu compro arma
sempre pensando na planta do plano seguinte
se a porta do cofre cai no maçarico ou na dinamite
a banca quer ir pro baile no pião do Sábado
virou uma caixa de sapato de santinho guardado
devia ser exemplo papelão do caixão preto
o trator te levando pra cova de qualquer jeito
mas sempre a gente pensa, na nossa vez é diferente
eu vou entrar, matar o gerente e sair, livremente
queria imitar o Michal J. Fox no De volta para o Futuro
voltar no tempo e evitar muita dor e luto
campo minado de ato covarde
outro paraplégico por um par de Nike
no passado o baralho, Banco imobiliário
hoje é recurso pra segunda instância no judiciário
na rua não quer ser a mão de obra barata
pra no X ser a mão que faz bola de graça
que que adianta seu fuzil, relógio de platina
se nem por milagre chega a vinte cinco de vida
mesmo rico pedindo, punho encravado na cabeça
vou pro desvio da dor, 666

[REFRÃO]:
Na estrada da dor...
é só caixão descendo nas cordas
na estrada a dor...
é só necropsia, rota, sangue, vítima morta (2X)

Quanto vale seu Honda Civic equipado
na garagem do seu advogado
dinheiro de crime é maldito, fruto de desgraça
vem com a cara do Diabo na marca d'água
que porra de quadrilha, que mano lado a lado
ó seu parceiro no tático, com dedo apontado
ó sua coroa no ponto, sozinha
pedindo carona pro motorista pra te fazer visita
quando seu corpo tiver se decompondo no matagal
não espera, se quer um cu te cobrindo com jornal
vão correndo dar os pêsames pra sua viuva
pra chavecar arma bombeta, morto não usa blusa
de Mustang Metson, 32 tiros
todas as vacas dão o rabo, pegam senha pra ser seu amigo
mas na UTI entubado, cadê sua gangue?
nem a puta que falou "te amo", vai doar sangue
o jogo é claro, sanguinário, objetivo
ou vou ser escravo de um patrão ou número no presídio
a única coisa de valor é sua liberdade
não deixa pra ver, tomando facada atrás das grades
não tem preço ver as crianças brincando na praça
por mais humilde que seja poder voltar pra sua casa
o crime é a estrada da dor, 666
é um filme de terror dirigido pelo Capeta

[REFRÃO]:
Na estrada da dor...
é só caixão descendo nas cordas
na estrada a dor...
é só necropsia, rota, sangue, vítima morta!



All lyrics are property and copyright of their owners.